EXIN: quais certificações oferece e qual sua relação com a LGPD?

EXIN
Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

As certificações são importantes para todas as empresas e profissionais que almejam melhorar os processos, produtos e serviços oferecidos. E para o mercado de TI, um nome forte de certificações é a EXIN.

De tal forma, a EXIN oferece uma variedade de exames para profissionais dessa área que desejam se destacar no mercado de trabalho, tanto em cenário nacional como internacional.

  1. O que é EXIN?
  2. Quais as Certificações Oferecidas Pela EXIN?
  3. Existe Uma Forma de Tirar as Certificações Online?
  4. Por que é Importante Que um Profissional ou Empresa Possua Certificações?
  5. Qual a Relação Entre a EXIN e a LGPD?

O que é EXIN?

EXIN é o nome de uma empresa originalmente holandesa que oferece certificações para profissionais da área de TI em todos os países do mundo.

Esta instituição também é responsável pelo credenciamento de organizações que atuam na área de treinamento em TIC e no desenvolvimento de materiais para estas capacitações.
Atualmente ela atua em mais de 165 países e possui exames em diversos idiomas, como:

  • Alemão;
  • Coreano;
  • Chinês;
  • Espanhol;
  • Espanhol latino-americano;
  • Finlandês;
  • Francês;
  • Hebraico;
  • Holandês;
  • Inglês;
  • Japonês;
  • Polonês;
  • Português do Brasil;
  • Tcheco.

Agora, quando falamos em quantidade, esta empresa foi responsável pela avaliação e certificação de mais de dois milhões de profissionais desde a sua fundação até hoje em dia. São números que impressionam!

História da Instituição

Uma vez entendido o que é a EXIN em um âmbito geral, entraremos então na história da empresa.

Ela foi fundada em 1984, em Amsterdã, devido a uma iniciativa do Ministério de Assuntos Econômicos da Holanda.

A sua tarefa inicial era a de analisar completamente o programa educacional Automação e Mecanização do Processo de Informações Administrativas (AMBI).

Vale pontuar, no entanto, que a instituição funciona desde a sua fundação de maneira independente. Garantindo certificações em TI para profissionais do mundo inteiro, de níveis básicos até os especialistas.

Nos anos 90, a instituição trabalhou em conjunto com um grupo de organizações de TI para desenvolver o projeto chamado Frameworks.

Este, por sua vez, se consiste em uma estrutura de competências de TI com base no padrão europeu de espaço de carreira.

Ainda durante estes anos, a EXIN estabeleceu diversos programas de certificação, como por exemplo o PDI e o ISPL.

E em 2005, após alguns anos de análise, a empresa foi responsável por alterar o programa AMBI para o I-TRACKS modular, que em 2010 veio a ser chamado de TRACKS.

É um dos parceiros responsáveis pela fundação, desenvolvimento e disseminação do ITIL, um conjunto de boas práticas de gerenciamento de serviços de TI.

Atualmente, a empresa oferece um serviço de atendimento para pessoas de todos os países em diversos idiomas diferentes chamados de EXIN Anywhere.

Sendo assim, é possível que o candidato acesse os domínios como a EXIN BR, por exemplo, para entender melhor sobre determinada certificação e realizá-la caso possua interesse.

De tal forma, nas últimas três décadas, período o qual a instituição está em atividade, ela foi capaz de capacitar diversos profissionais com certificações como:

  • IT Practical Diploma;
  • ITIL;
  • PRINCE2;
  • ISPL;
  • DevOPS;
  • Agile Scrum;
  • Information Security;
  • SIAM.

Estas são as principais áreas de atuação presentes no portfólio da instituição.

Linha do Tempo da EXIN

E, analisando a trajetória com os pontos mais marcantes da empresa, temos uma linha do tempo dessa forma:

  • 1984: fundação da empresa como uma iniciativa do Ministério de Assuntos Econômicos da Holanda;
  • 1993: EXIN desenvolve o primeiro plano de certificações para ITIL;
  • 2005: a empresa abre sedes em diversos países do mundo;
  • 2007: a instituição certificou o milionésimo candidato;
  • 2010: a EXIN produz exames e provas que contam com estruturas de competências eletrônicas;
  • 2013: a instituição certificou o segundo milionésimo candidato;
  • 2014: introdução de soluções com base em competências eletrônicas por parte da empresa.

Dessa maneira, é possível analisar que foram feitos grandes passos por parte da empresa quando falamos na qualificação de profissionais de TI, foco da instituição.

Quais as Certificações Oferecidas Pela EXIN?

Quais as certificações oferecidas pela EXIN?
Como citado anteriormente, esta instituição é a líder em certificações e exames para profissionais da área de tecnologia justamente por seu diferencial para com os concorrentes de mercado.

Afinal, oferece diversos exames a fim de certificar o domínio digital dos profissionais e realizar uma transformação digital pela avaliação e validação de competências.

Contudo, resta ainda saber quais são as possibilidades de certificações EXIN que empresas e funcionários da área de TI podem buscar.

E, ao todo, os exames e certificações oferecidos pela instituição são:

  1. DPO (Data Protectiom Officer);
  2. Agile Scrum;
  3. DevOps;
  4. VeriSM;
  5. Blockchain;
  6. BCS SIAM;
  7. Privacy and Data Protection;
  8. BCS Artificial Intelligence;
  9. AMBI e-CF;
  10. The Foundation Series;
  11. Cloud Computing;
  12. EPI Data Centre Management;
  13. EPI IT Management;
  14. BCS Business Analysis;
  15. Application Management;
  16. Business Continuity Management;
  17. Business Information Management;
  18. Cyber and IT Security
  19. Ethical Hacking;
  20. Green IT;
  21. Information Security Management ISO/IEC 27001;
  22. IT Service Management based on ISO/IEC 20000;
  23. ITAMOrg IT Asset Management;
  24. OpenStack Software;
  25. Secure Programming;
  26. TMap;
  27. TPI NEXT;
  28. Big Data;
  29. Cloud Computing;
  30. Internet Of Things;
  31. Lean IT;
  32. Microsoft Operations Framework.

De tal forma, existe uma ampla gama de possibilidades para os profissionais e empresas que desejam se qualificar e, consequentemente, ganhar destaque no mercado e entre os concorrentes.

Sendo assim, a recomendação é que seja buscada a certificação que mais agrada ou atende os desejos e motivações almejados.

E, assim que possível, seja feito o exame para  conquistar o reconhecimento de domínio sobre determinada área.

Quer se tornar um especialista em LGPD certificado pela EXIN? Acesse a página de cursos do Certifiquei e confira nosso curso Privacy & Data Protection – Essentials!

Existe Uma Forma de Tirar as Certificações Online?

Para os que são familiarizados com o uso da internet e preferem realizar provas e exames de maneira digital, existe uma alternativa de se certificar sem sair de casa.

E, para este processo existe o EXIN Anywhere.

Um serviço oferecido pela EXIN em parceria com a Software Secure Solutions, uma empresa que dispõe do software para que sejam realizadas as provas no lugar a escolha do candidato.

Através deste utilitário é possível que o candidato adquira o exame de maneira totalmente digital e o realize em um período de até 21 dias após feita a compra.

Você pode realizar a prova em qualquer lugar, hora e dia, incluindo feriados e horários não comerciais.

Sendo assim, tudo fica a critério da pessoa, uma vez que ela não queira realizar de maneira presencial.
Contudo, são necessários alguns cuidados:

  • Possuir um computador ou notebook com boa conexão com a internet, microfone e webcam;
  • Estar em um local isolado, tranquilo e silencioso para poder ter concentração durante o exame;
  • Fechar a porta, desligar o celular e evitar qualquer eventual distração que possa tirar o foco da prova.

Por último, mas não menos importante, é válido que o candidato tenha estudado para a certificação desejada e esteja com o conteúdo bem revisado. Existem diversos cursos que auxiliam nesse momento.

Afinal, a falta de preparação pode resultar na reprovação e, consequentemente, perda do dinheiro investido.

De toda maneira, é possível que todos os interessados adquiram a EXIN certificação em qualquer local que esteja, desde que seja feita a prova qualificatória elaborada pela própria empresa de acordo com o tema.

Qual é a Melhor Forma de Tirar Certificações? De Forma Remota ou Presencial?

Não existe nenhuma regra sobre qual é o melhor tipo de exame.

No entanto, normalmente as pessoas que trabalham muito, ou que possuem rotinas muito corridas, optam pelas provas virtuais.

Justamente pela possibilidade de fazer durante o fim de semana ou então durante a noite.

Porém, ainda assim existem muitos profissionais que optam por ter uma data e horários marcados para ir até o local do exame e realizá-lo de maneira presencial.

Lembre-se que não é porque a prova está sendo feita de forma remota que ela perde o seu valor!

Afinal, ela é uma facilidade aos profissionais que não possuem tempo para se deslocar e fazer o exame presencialmente, mas ambas são importantes.

Sendo assim, a forma de realizar a prova não é algo mandatório ou que traz um maior valor por ter sido feito de uma maneira ou de outra.

Por isso, a recomendação é que seja feita uma escolha de qual é o método mais agradável e que pode ser realizado sem comprometer a rotina ou o trabalho do candidato.

Por que é Importante Que um Profissional ou Empresa Possua Certificações?

As certificações são fundamentais para instituições e profissionais que desejam melhorar os processos, produtos e serviços, bem como ganhar destaque no cenário, seja mundial ou internacional.

Contudo, é válido pontuar que o valor e, consequentemente, as vantagens oferecidas por estes comprovantes vai muito além do financeiro.

Isso se dá tendo em vista que envolve todos os colaboradores de uma determinada empresa, gerando um melhor desenvolvimento pessoal que visa colocar, de modo sistêmico, tudo em seu devido lugar.

Dessa forma se torna mais fácil entender o que se passa dentro da empresa, tornando ainda melhor o atendimento oferecido para clientes e melhor execução dos processos e serviços oferecidos.

Por outro lado, analisando o lado do profissional, as instituições dos mais variados ramos possuem como exigência que os funcionários possuam estas certificações para analisar a qualificação do profissional.

Afinal, dessa forma é possível garantir que os requisitos necessários para a vaga tudo será atendido de acordo com a missão e valores da organização contratante.

E, para conseguir uma determinada certificação, independentemente da área desejada, a recomendação é justamente buscar pelos órgãos certificadores.

No entanto, é válido pontuar que, para a grande maioria dos casos, o certificado possui uma validade de três anos, sendo necessário realizar outro exame para que seja emitido um novo certificado para o profissional ou empresa.

Dessa forma, é possível analisar que é necessário ficar sempre atento para com eventuais alterações ou inovações dentro do ramo desejado.

Afinal, caso ocorra uma melhora em um determinado procedimento ou forma de agir, pode existir uma adaptação do conteúdo cobrado na prova para que o certificado seja emitido.

Quais as Certificações Mais Importantes Para um Profissional de TI?

O mercado de trabalho dentro da Tecnologia da Informação é algo que envolve muito dinamismo e que diariamente ocorre uma série de introduções de novas tecnologias.

Por isso, as certificações se tornam altamente necessárias para que todos os profissionais deste ramo estejam atualizados sobre tudo o que está sendo introduzido na área profissional.

Por outro lado, elas servem para que ocorra um desenvolvimento constante das habilidades práticas que cada um dos profissionais possui através dos certificados.

Vale ressaltar que alguns deles, no entanto, são oferecidos por outras empresas que não a EXIN.

Porém, o foco é o mesmo: melhorar e aprimorar o conhecimento e as formas de atuação dos profissionais e organizações que atuam dentro desta área.

E, para isso, podem ser buscadas as seguintes certificações, que são as de maior importância no mercado de TI hoje em dia:

  • Certificação ITIL;
  • Certificação CISSP;
  • Oracle Certified Professional Advanced PL/SQL;
  • Certificação DELL EMC;
  • VMware VCP-Cloud;
  • Certificações MCSD;
  • CCIE;
  • Certificação PMP;
  • AWS Certified Solutions Architect – Associate;
  • Certified in the Governance of Enterprise IT (CGEIT);
  • Microsoft Certified Solutions Expert (MCSE);
  • Microsoft Certified Information Technology Professional (MCITP);
  • Certified Information Security Manager (CISM);
  • Certified Associate in Project Management (CAPM);
  • CCNP Data Center;
  • RHCE;
  • LPIC;
  • COBIT 5;
  • Certificações CompTIA;
  • Cisco Certified Network Associate (CCNA).

Outra vantagem destas certificações é que o candidato possui acesso a recursos e ferramentas como fóruns de discussão online sobre o tema, materiais de treinamento e outros recursos fornecidos.

Em Âmbito Profissional, Qual é a Importância e o Impacto dos Certificados?

Os certificados também são uma forma de comprovar as habilidades profissionais.

Eles são um diferencial no currículo, podendo ser um requisito crucial para ocupar um determinado cargo ou vaga em uma empresa.

Tendo em vista que a área de TI é um dos segmentos que mais se beneficia do advento de novas tecnologias, o número de possíveis certificados se torna cada vez maior.

Dessa forma aumenta a possibilidade de especialidades que um profissional pode assumir, sendo esta então não somente a importância como o impacto das certificações neste ramo.

E, dependendo de qual for a empresa contratante, as certificações podem ser mais importantes do que a própria graduação na faculdade.

Afinal, elas são responsáveis por fazer com que o profissional esteja mais qualificado para desempenhar funções em algumas áreas.

No entanto, engana-se quem pensa que adquirir todas as certificações é a solução para possuir um ótimo perfil.
Afinal, podem existir algumas em particular que agradam mais e que irão de fato agregar para o perfil profissional da pessoa.

O recomendado então é que o profissional explore todas as opções dentro da área a qual deseja se especializar para descobrir qual é a melhor opção, tanto financeira como profissionalmente.

E, em contraponto, é necessário analisar também qual é a empresa emissora do certificado para ter certeza se é uma instituição confiável e que irá realmente medir as habilidades e conhecimentos.

Além disso, através dos processos de certificação os profissionais ficam em contato com outras pessoas que trabalham na mesma área e possuem interesses e especialidades parecidas.

Dessa maneira é possível criar um Networking para troca de informações e ajuda tanto entre os profissionais como entre as empresas para quais cada um trabalha respectivamente.

Qual a Relação Entre a EXIN e a LGPD?

LGPD
Ao falarmos sobre a proteção de dados, é válido pontuar que a LGPD é a adaptação brasileira do regulamento GDPR, da Europa.

No entanto, ambos possuem uma diretriz semelhante, que é o de regulamentar a proteção de dados pessoais dos cidadãos de um determinado país ou continente.

E todas as empresas e autoridades que possuem atividades neste ramo, independentemente de qual for a lei a qual ela segue, é necessário possuir um profissional Data Protection Officer, chamado de DPO.

De tal forma, a fim de oferecer este certificado para profissionais da área, a EXIN lançou uma série de exames para certificar esta profissão.

Ao todo, são três certificações, com destaque para duas, em especial, chamadas de EXIN Privacy and Data Protection Foundation, conhecida como PDPF, e Privacy and Data Protection Practitioner, ou PDPP.

A primeira é pré-requisito para que o profissional possa realizar a segunda e, para fechar as três, ainda fica faltando a última, no tema de Segurança da Informação, chamada de Information Security Foundation, ou ISFS.

Sendo assim, uma vez tiradas estas três certificações, o profissional passa então a possuir o título de DPO.
Portanto, é possível entender que existe uma ligação forte entre a empresa e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD).

E existe a possibilidade de um profissional possuir uma certificação LGPD EXIN, no qual a mesma é chamada de PDPE (privacy and data protection Essentials).

Sobre a LGPD

Por fim, é interessante entendermos melhor o que é esta legislação e como ela atua no solo brasileiro.

Afinal, a melhor indicação é justamente que o profissional desta área possua um conhecimento, mesmo que pequeno, sobre esta área quando ele for se preparar e estudar para o exame da certificação.

Sendo assim, o impacto principal desta lei, se dá nos negócios, na relação com consumidores, na relação com os parceiros, na relação de trabalho e na segurança de informação.

A Lei Geral de Proteção a Dados Pessoais, de número 13.709, foi validada no dia 14 de agosto de 2018, por Michel Temer.

E a intenção de tal ordem é justamente o de regulamentar o tratamento que as informações pessoais colhidas por algumas empresas recebe.

De tal forma, esta legislação exige que as empresas adequem as políticas e métodos de coleta de dados, sigilo e composição dos contratos.

O Que a Lei Diz Sobre os Dados de Clientes?

A intenção da lei é alterar a abordagem desde a etapa de coleta até outros pontos como a classificação.

Além disso, o processamento, armazenamento e transferência, bem como a utilização destes dados devem ser alterados. O último, no entanto, é o ponto principal da legislação.

E, entre outros pontos tratados na lei, se encontra a estrita proibição de transmissão dos dados de clientes sem um consentimento expresso e claro.

De tal forma, todas as empresas e instituições que desejam registrar informações dos clientes devem se submeter e sujeitar, sendo alterados por adequar à LGPD para evitar penalizações.

A pena para quem não cumprir o que está previsto na lei vai desde sanções até multas de até R$50 milhões. O preço alto é devido a infração com os usuários, consumidores e clientes de determinada empresa.

No entanto, a principal recomendação para todas as empresas que buscam evitar qualquer tipo de penalidade judicial é procurar por profissionais certificados pela Exin.

Afinal, a EXIN se preocupa com qualificação dos profissionais a fim de que as empresas possam preservar de maneira eficiente os dados pessoais de seus clientes, fator que faz com que ela seja a empresa de certificações mais recomendada para profissionais de TI.

Denis Zeferino
Denis Zeferino
Denis Zeferino é Data Protection Officer (DPO) certificado pela EXIN. Bacharel em Ciência da Computação e pós-graduado em Gestão de Infraestrutura de TI, Segurança da Informação e Cybersecurity. Tem mais de 15 anos de experiência, conciliando sua vida profissional entre o universo da Tecnologia e Segurança da Informação e da Educação. É membro da Associação Nacional dos Profissionais de Privacidade de Dados e dedicado a levar o entendimento da LGPD e Proteção de Dados aos alunos do Certifiquei.

relacionadas