Scalping: conheça esta estratégia de investimentos

Scalping: conheça esta estratégia de investimentos
Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Ao longo de sua jornada no mercado financeiro, é natural que o investidor se depara com diferentes perfis de investidores com diferentes formas de agir na bolsa de valores. Assim, também é compreensível a ideia que não existe uma receita exata para se ganhar dinheiro neste setor, o que faz com que o conhecimento sobre a área seja importante. Nesse sentido, conhecer o scalping pode ser útil.

Isso porque o scalping é uma estratégia de investimento que tem ganhado força entre alguns investidores e profissionais da área, especialmente por gerar renda ativa para as partes.

Trabalhe no mercado financeiro! Acesse o Certifiquei e descubra os principais cursos preparatórios voltados para quem deseja as certificações da área. Confira!

O que é scalping

Scalping é uma estratégia de investimentos voltada para o curto prazo fundamentada em negociações do mercado futuro, sendo realizada em um curto período, isto é, esta é uma forma de buscar renda através das movimentações do mercado em um curto espaço de tempo.

Dessa forma, é possível comparar esta estratégia com day trade, todavia as operações com base no Scalping ocorrem em um período ainda menor e mais sequenciais.

Não à toa é recorrente que alguns investidores que utilizam esta estratégia, também conhecidos como scalpers, realizem suas operações em questões de minutos e, até mesmo, segundos.

Assim, questões como a qualidade do papel e os fundamentos do mesmo são deixados de lado, com as possíveis movimentações do mercado se tornando o principal fator de análise.

A rapidez em que ocorre esse tipo de negociação é tanta que nem notícias sobre o setor influenciam na estratégia, afinal o objetivo é que as movimentações não sofram interferência de fatores que demorem tanto para se espalhar.

Portanto, os scalpers tem como base para um bom investimento sua liquidez, isto é, o volume com aquele ativo é comprado e vendido.

Afinal, caso um ativo financeiro possua uma alta liquidez, o processo de venda será mais rápido, encaixando assim na estratégia.

Todavia, é necessário ressaltar que o scalping não possibilita margens tão elevadas de ganho, pois o tempo de compra e venda impossibilita com que o ativo tenha uma valorização grande.

Com isso, é natural que o valor aplicado nas operações seja maior, o que tende a melhorar o resultado, ainda que o risco se torne elevado.

Distinções entre o scalper e o day trader

Como visto anteriormente, o Scalping e o day trade possui diversas semelhanças, assim é natural que haja confusões em relação a estes temas.

Especialmente porque tanto scalpers e day traders possuem sua rotina de trabalho diária nas mesas de operação, buscando boas oportunidades.

Todavia, as diferenças entre ambos começam a aparecer quando comparado o volume de operações.

Por exemplo, é comum que o trader realize entre uma e cinco operações ao longo de um dia.

Enquanto, um scalper pode realizar 10, 20 ou até mesmo mais operações durante um pregão.

Além disso, o scalper também analisa os gráficos de preços como forma de encontrar bons ativos, porém, diferente do day trade, ignoram questões como o fluxo de compra e vendas.

Por fim, mas não menos importante, uma diferença entre os dois tipos de investidores está na preocupação.

Ainda que ambos busquem ser assertivos em seus negócios, a preocupação do scalper tende a ser maior, especialmente porque os riscos que ocorrem em suas operações são mais elevados.

Portanto, é natural que os prejuízos, em caso de equívocos, também sejam maiores.

Técnicas de scalping

Scalping: conheça esta estratégia de investimentos

Como visto até aqui, quem utiliza a estratégia de scalping possui algumas práticas particularidades de análise de investimentos, para isto são utilizadas técnicas específicas.

Nesse sentido, se destacam três técnicas de scalping. São elas:

  1. Tape Reading;
  2. Análise técnica;
  3. VWAP.

Tape Reading

Uma das técnicas mais utilizadas pelo scalper é o Tape Reading, cujo foco está na análise do volume de negócios concluídos e nas ordens de compra e vendas referentes a um ativo financeiro.

Assim, através deste tipo de informação, o scalper conseguem ter uma base do porquê destes movimentos ocorrem,

Em contextos que sejam por conta do posicionamento de investidores institucionais, que utiliza o scalping pode se posicionar de modo mais adequado para conseguir lucrar.

Entre os indicadores e informações utilizados para realizar o Tape Reading, estão:

  • Book de ofertas agrupado;
  • Saldo dos compradores do ativo;
  • Saldo dos vendedores do ativo;
  • Negócios fechados no período de um pregão;
  • Instituições financeiras que estão mais ativas no pregão.

Normalmente tais informações são disponibilizadas por corretoras de valores.

Dessa forma, o investidor que busca lucrar no curto prazo terá alguns indicadores para se posicionar da melhor forma no mercado.

Análise técnica

A Análise técnica é um dos tipos de técnica mais utilizados no mercado para quem busca lucrar no curto prazo.

Assim, é natural que esta seja uma técnica utilizada pelo scalper em sua atuação no mercado financeiro.

Em suma, a análise técnica é baseada no estudo dos preços dos ativos através de gráficos, sendo que através deste processo tem por objetivo encontrar as tendências do mercado.

Ou seja, através das formas dos gráficos de preço, é possível prever se o valor daquele ativo vai subir ou cair.

Todavia, pelo fato do scalper realizar suas operações em um curto espaço de tempo, os gráficos utilizados são personalizados.

Dessa forma, é comum encontrar gráficos referentes à movimentação de preço em um período consideravelmente baixo, isto é, um gráfico que analisa minutos.

Além disso, é comum que a utilização desta técnica seja seguida de outras, incluindo o Tape Reading.

Como a certificação CNPI pode te ajudar a investir melhor

EBOOK GRATUITO | Como a certificação CNPI pode te ajudar a investir melhor?

Baixe o ebook gratuito para conhecer tudo sobre o CNPI e saber como esta certificação pode te ajudar a investir melhor!

Como a certificação CNPI pode te ajudar a investir melhor

EBOOK GRATUITO | A melhor maneira de fazer uma transição de carreira e entrar no Mercado Financeiro

VWAP

Por fim, mas não menos relevante, existe o Volume-Weighted Average Price, também conhecido como VWAP.

Este indicador é utilizado pelo scalper como forma de identificar, em um gráfico, pontos de liquidez e periodicidade de ativo.

Para chegar a este valor, o VWAP considera o preço de determinado ativo ao longo de um período e o número de ações negociadas neste espaço de tempo.

Assim, é realizada a multiplicação destes dois fatores e, posteriormente, feita a divisão com o volume total de ações negociadas no período.

Portanto, este é um indicador que consegue aliar volume e preço.

Dessa forma, se torna uma ferramenta de grande utilidade na análise de investimento que faz parte do scalping, utilizado por diversos investidores que utilizam esta estratégia.

Guilherme Almeida
Guilherme Almeida
Bacharel em Economia e Especialista em Finanças Corporativas e Mercado de Capitais pelo Ibmec-MG. Mestrando em Estatística pela UFMG, atua como professor, palestrante e porta voz das áreas de economia e finanças, tendo concedido mais de mil entrevistas para os principais meios de comunicação. Atualmente, leciona matérias ligadas à Economia e ao Mercado Financeiro em cursos preparatórios para certificações financeiras, além de ser o Economista-Chefe do departamento de Estudos Econômicos da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG).

relacionadas