Certificação CPA 20: o que é, como funciona e como se inscrever?

CPA 20
Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email


A CPA 20 foi criada para elevar o nível das habilidades de profissionais que atuam no mercado financeiro.

Com a CPA 20, é possível atender clientes com uma renda maior, possibilitando que os profissionais possam se desenvolver ainda mais na carreira.

O que é a Certificação CPA 20?


A CPA-20 é uma certificação financeira criada pela ANBIMA para validar e reconhecer o conhecimento dos profissionais que atuam na venda de produtos de investimento e na manutenção de carteiras em alguns segmentos de alta renda.

Com a Certificação Profissional ANBIMA – Série 20, é possível atuar em varejo alta renda, private banking, corporate e investidores institucionais, agências bancárias e plataformas de atendimento. Portanto, a CPA 20 consiste em uma prova de conhecimentos da área bancária voltada aos profissionais que desejam atuar no segmento de alta renda.

Quem consegue a certificação CPA 20 pode, ainda, exercer as mesmas atividades abrangidas pela CPA 10.

A ANBIMA é a principal entidade certificadora de profissionais do mercado financeiro brasileiro no setor de distribuição de produtos de investimento.

Para conseguir a certificação CPA 20 é preciso realizar uma prova que tem como objetivo atestar o conhecimento dos candidatos quanto ao mercado financeiro em geral.

O exame de certificação da ANBIMA CPA 20 se foca nas aplicações para investidores qualificados, que são aqueles com mais de R$1 milhão aplicados, de acordo com a Instrução CVM nº 409 em seu artigo 109.

Qual a diferença entre as certificações CPA 10, CPA 20 e CEA?


CPA 20

A Certificação CPA 10 é voltada para os profissionais que desejam atuar na venda de produtos financeiros de investimento.

Por sua vez, a CPA 2O pode ser vista como uma certificação superior, já que permite que o profissional exerça as mesmas atividades da CPA 10 e ainda possibilita sua atuação na manutenção da carteira de investimentos de clientes pessoas físicas ou jurídicas nos segmentos de Alta Renda, Private, Corporate e Investidores Institucionais.

Nenhuma das duas certificações, porém, são obrigatórias para cargos iniciais, mas podem se mostrar importantes diferenciais para os profissionais que as possuem.

Se o profissional pela certificação CEA, no entanto, estará habilitado para exercer todas as atividades relacionadas á CPA 10 e CPA 20, tornando-se, assim, um especialista em investimentos.

As três certificações são oferecidas pela ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

Quer ser um especialista de investimentos pela certificação CEA? Confira agora o curso preparatório CEA do Certifiquei e saia na frente!

Onde o profissional certificado pela CPA 20 pode atuar?


Um profissional certificado com a CPA 20 tem os conhecimentos necessários para atender clientes de alta renda e suas demandas mais sofisticadas quanto a produtos financeiros.

Além disso, com a CPA 20, é possível também estar capacitado para evitar fraudes financeiras dentro de bancos e outras instituições do mercado. A carreira no segmento de alta renda oferece uma grande oportunidade para os profissionais, já que envolve uma boa remuneração e disponibilidades maiores de capital.

No entanto, vale lembrar que para entrar nesse mercado, a Certificação Profissional ANBIMA – Série 20 é obrigatória.

Além disso, ter a certificação também traz credibilidade ao profissional, já que indica às instituições financeiras que ele possui um alto conhecimento sobre o mercado financeiro e pode trazer resultados de qualidade no exercício de suas atividades.

Como funciona o exame da Certificação CPA 20?


A prova da ANBIMA aborda temas do mercado financeiro em geral. No exame CPA 20, são cobradas 60 questões, divididas em sete módulos. Os temas são:

  • Sistema Financeiro Nacional e Participantes (5% a 10%);
  • Compliance legal, ética e Análise do perfil do investidor (15% a 25%);
  • Princípios Básicos de Economia e Finanças (5% a 10%);
  • Instrumentos de Renda Variável, Derivativos e Renda Fixa (17% a 25%);
  • Fundos de Investimentos (18% a 25%);
  • Previdência Complementar Aberta: PGBL e VGBL (5% a 10%);
  • Mensuração e Gestão de Performance e Risco (10% a 20%).

Para ser aprovado, o candidato precisa obter, no mínimo, 70% de aproveitamento e realizar o exame em até 2 horas e 20 minutos.

A data e o horário de agendamento do exame podem ser escolhidos pelo candidato no calendário disponível no momento da inscrição.

A taxa de inscrição difere para os associados (R$396) e não associados (R$475) e deve ser feito via boleto bancário. Vale lembrar que o acesso à prova é online.

Como reagendar a prova?

Se for necessário, o candidato poderá realizar o reagendamento do exame dentro do período de 8 dias antes de sua aplicação. Para isso, é preciso cancelar a data anterior e realizar uma nova inscrição e pagamento da taxa.

Como atualizar a CPA 20?

A atualização da CPA 20 é feita através de um curso oferecido pela ANBIMA, que deve ser realizado em até 15 dias antes do vencimento da certificação, para evitar que o profissional seja prejudicado. Para fazê-lo, é necessário se cadastrar no site da ANBIMA.  O valor do curso é de R$396,00 para não associados e R$330,50 para os associados.

Quais os requisitos para obter a Certificação CPA 20?


O primeiro passo para tirar CPA 20 é realizar sua inscrição no site oficial da ANBIMA, onde serão exibidas as opções de certificações disponíveis. Uma vez selecionada a certificação escolhida, será preciso preencher os dados de inscrição necessários para identificação.

Se o candidato estiver apto, isto é, se ainda não tiver realizado o exame anteriormente, a inscrição poderá ser finalizada e o boleto para pagamento da taxa será gerado.

Vale lembrar que, mesmo após a emissão do boleto, o calendário para selecionar o data do exame ainda não estará liberado. O candidato deverá aguardar pela confirmação do pagamento, quando a ANBIMA regularizará a inscrição.

Imediatamente após isso, o calendário será liberado para que o candidato faça o agendamento do exame e selecione o local da prova. De modo geral, as provas são realizadas de segunda a sexta no horário comercial.

Como se preparar para a prova da Certificação CPA 20?


Apesar de ter diminuído a quantidade de questões com o passar dos anos, o exame de certificação profissional Série 20 tornou mais difícil. Por isso, se preparar de forma adequada para a prova é essencial para garantir o resultado desejado.

Algumas dicas para se organizar com os estudos incluem:

Se familiarize com o conteúdo

Em primeiro lugar, é preciso estar familiarizado com o conteúdo do exame para alcançar bons resultados. Vídeo aulas, artigos e demais conteúdos sobre a certificação são bons locais de consulta para se sair bem na prova.

O mais importante é encontrar o formato ideal de estudos para o seu perfil.

Faça simulados

A maneira mais comum de se acostumar com o formato da prova é realizar simulados algumas vezes antes do dia da prova. Para isso, é possível buscar por provas antigas na internet.

Com isso, será possível identificar em quais temas você possui mais facilidade e maior dificuldade.

Priorize o mais fácil

Outra dica é se garantir no conteúdo em que você possui mais facilidade. Se você priorizar aquilo que já sabe na hora dos estudos, garantindo excelência nesses temas, suas chances de passar no exame podem aumentar.

Isso porque, como vimos, não é necessário acertar todas as questões da prova. Portanto, na hora de estudar, não adianta focar somente naquilo que você tem mais dificuldade e deixar de lado os assuntos de maior domínio.

Então, priorize o mais fácil e, depois, passe para o conteúdo de maior dificuldade. Assim, ainda que você não acerte tudo, terá acertos suficientes para obter a certificação.

Invista em cursos preparatórios

Para os candidatos menos autodidatas, estudar por conta própria pode ser uma grande dor de cabeça. Uma alternativa aqui é investir em cursos preparatórios voltados para a certificação desejada.

Assim, será possível contar com professores especializados no assunto e focar no que verdadeiramente importa para realizar o exame. Aqui no Certifiquei você encontra os melhores cursos preparatórios para tirar a sua certificação financeira de primeira, confira e saia na frente!

Vale a pena tirar a Certificação CPA 20?


A CPA 20 é uma prova que tem por objetivo impulsionar os conhecimentos dos profissionais quanto ao mercado financeiro. Para quem deseja trabalhar com produtos de investimentos direcionados à alta renda, essa certificação é a mais adequada. Com ela, você fica bem preparado para lidar com as necessidades dos clientes.

Entre algumas vantagens da CPA 20, temos:

  • É pré-requisito para atuar em algumas instituições financeiras;
  • É considerada um diferencial no mercado financeiro;
  • Valida a qualificação do profissional financeiro e o habilita para o exercício de suas atividades;
  • Possibilita o trabalho com produtos de alto nível.

Outra vantagem de possuir a CPA 20 é a possibilidade de elevar a renda média do profissional certificado, já que aumenta a capacidade de atingir cargos mais bem remunerados.

Assim, buscar pela Certificação CPA 20 é uma ótima opção para quem deseja se desenvolver no mercado financeiro.

Guilherme Almeida
Guilherme Almeida
Bacharel em Economia e Especialista em Finanças Corporativas e Mercado de Capitais pelo Ibmec-MG. Mestrando em Estatística pela UFMG, atua como professor, palestrante e porta voz das áreas de economia e finanças, tendo concedido mais de mil entrevistas para os principais meios de comunicação. Atualmente, leciona matérias ligadas à Economia e ao Mercado Financeiro em cursos preparatórios para certificações financeiras, além de ser o Economista-Chefe do departamento de Estudos Econômicos da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG).

relacionadas