Formação para o mercado financeiro: como se qualificar?

Formação para o mercado financeiro: como se qualificar?
Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Com o aumento de investidores que estão buscando sair do banco e optar por outras alternativas de aporte financeiro, cresce também o número de profissionais à procura de uma formação para o mercado financeiro.

O profissional com formação para o mercado financeiro tem a responsabilidade de atender esses investidores, sejam eles iniciantes ou experientes, a ter uma boa experiência e investir com mais qualidade. 

O que é a formação para o mercado financeiro? 

A formação para o mercado financeiro são as certificações necessárias para um profissional atuar legalmente no mercado de capitais. Além disso, essas certificações são diferentes de acordo com o objetivo de cada profissional, mas obrigatórias para atuar nessa área. 

Como o mercado de investimentos é vasto, com diversas opções de ativos, cada investidor precisa de um maior detalhamento das opções que ele tem, aí que entra o profissional do mercado financeiro para realizar essa curadoria de forma profissionalizada. 

As certificações do mercado são emitidas, em sua maioria, pelos órgãos ANBIMA(Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) e APIMEC (Associação de analistas e profissionais de investimentos e mercado de capitais) . E cada uma delas pode te tornar um profissional com foco em posições como:

  • Analista
  • Consultor de investimentos
  • Gestor de carteiras
  • Trabalho com segmento de alta renda

Por que escolher o mercado financeiro? 

O mercado financeiro cresceu em relação ao número de investidores. Ou seja, cada vez mais pessoas estão interessadas em consumir conteúdos relacionados a finanças e buscar investir além da poupança, um favorito dos brasileiros. 

Com esse crescimento surge, também, a necessidade de profissionais qualificados para gestão desses investimentos de forma que ele tenha conhecimento para entender quais estratégias funcionam em diferentes momentos.

Os profissionais que escolhem o mercado financeiro estão caminhando rumo a um setor de crescimento, e por isso, é uma boa ideia se dedicar à formação para o mercado financeiro como forma de se profissionalizar. 

Uma das vantagens de atuar no mercado de capitais é a boa remuneração e os benefícios, sendo um dos mais visados a participação de lucros. 

Outra vantagem a se considerar é que no mundo financeiro não há rotina fixa, o que atrai muitos candidatos pela flexibilidade das profissionais desse segmento. 

O Certifiquei tem todas as certificações financeiras para você atuar no mercado. Conheça e se torne um profissional da área financeira com nossos cursos! 

Quais os tipos de formação para esse profissional? 

Aqui no Brasil há uma variedade de certificações financeiras disponíveis e o profissional que deseja atuar nesse mercado pode escolher um segmento para a formação para o mercado financeiro. Conheça as certificações disponíveis: 

AAI 

A certificação para Agente Autônomo de Investimentos é emitida pela Ancord (Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários, Câmbio e Mercadorias) para os profissionais que são assessores de investimentos.

Esse profissional pode atuar junto a uma corretora de valores ou de forma autônoma, vendendo produtos financeiros e ganhando comissão de acordo com a venda. Apesar de poder tirar dúvidas financeiras, ele não é certificado para sugerir investimentos. 

CNPI 

Esse é o Certificado Nacional do Profissional de Investimento e é emitido pela APIMEC. O CNPI é indicado para quem quer atuar administrando recursos, realizando consultorias, análises e pesquisas financeiras.

Além disso, também pode fazer vendas e operações no mercado de capitais e financeiro. Esse certificado credencia o profissional a analisar e recomendar investimentos a terceiros, por isso é considerado importante. 

CPA-10 e CPA-20 

Essa é a certificação voltada para área comercial. Os profissionais com CPA-10 E CPA-20 geralmente trabalham em agências bancárias e atuam com a prospecção e venda de produtos financeiros.

A diferença entre as certificações é que o CPA-10 é mais voltado para gerentes de bancos populares, enquanto o CPA-20 é mais indicado para os clientes que já investem. Ambos são emitidos pela Anbima. 

CFA 

Considerado a maior certificação que um profissional pode ter para atuar no mercado financeiro. Isso porque é indicado para profissionais da administração de investimentos, gerenciamento de riscos, previdência complementar, seguros, entre outros.

Além de comprovar um alto conhecimento em finanças e investimentos, essa certificação é para quem deseja atuar analisando investimentos e é reconhecida internacionalmente, 

Na maioria das vezes o profissional com CFA atua em grupos financeiros, de forma autônoma ou em seguradoras. 

CFP 

Essa certificação tem como objetivo habilitar o profissional para planejar a vida financeira de pessoas físicas e é reconhecida internacionalmente. Atualmente é dividido em três níveis, que são:

1 – Conhecimento e entendimento de conceitos básicos e ferramentas utilizadas em análise de investimentos

2 – Análise e aplicação de avaliação de ativos

3 – Avaliação das necessidades dos clientes e tópicos de importância na gestão de carteiras de investimento. 

CGA 

Essa certificação é para gestores de investimentos que podem ter estratégias de compra e venda de ativos financeiros em uma carteira. Para quem deseja atuar com gestão de carteiras e ações ou de fundos de investimento pode investir nessa certificação.

CEA 

Essa certificação prepara os profissionais que atuam como assessores de gerentes de contas bancárias, com indicação de produtos de investimentos para os mesmos. Essa certificação também permite exercer as atividades da CPA-10 e  CPA-20. 

Conte com o Certifiquei para se tornar um profissional capacitado para o mercado financeiro. Conheça nossos cursos! 

Qual a importância da formação para o mercado financeiro?

Formação para o mercado financeiro 01  

Um dos pontos mais importantes a se levar em conta em relação à importância das certificações é a credibilidade que elas trazem, atreladas ao fato de que funcionam como um selo de qualidade tanto para o profissional quanto para a instituição em que ele atua. 

Além do que as áreas do setor financeiro demandam conhecimentos específicos para exercê-las com êxito, e as certificações te preparam para atuar em cada uma delas de forma individualizada. 

E justamente por conta das particularidades de cada área financeira que as certificações são importantes. Os clientes de profissionais certificados se sentem mais seguros e confiantes, além do profissional estar mais preparado para exercer suas funções. 

Perfil do profissional do mercado de capitais

O profissional, para atuar no mercado financeiro, deve gostar de exercer suas funções. Isso porque é um mercado exigente e competitivo, então atuar na sua profissão escolhida deve ser feito com qualidade e responsabilidade. 

Também é importante se manter atualizado e estudando sobre os temas pertinentes ao mercado financeiro. Por ser um mercado afetado por diversos fatores nacionais e internacionais, estar municiado de conhecimento é extremamente importante. 

Buscar autoconhecimento também é importante. O profissional do mercado financeiro deve se conhecer e entender seus pontos fortes e fracos, para atuar da melhor forma dentro das suas funções. 

Além disso, essa característica ajuda a atuar em uma empresa enquadrada no seu perfil profissional e tomar as decisões mais assertivas na carreira. 

E, por último, uma característica importante não somente na formação para o mercado financeiro, mas também para o profissional de qualquer área é ser adaptável.

Um profissional que se adapta às funções e contratempos diminui os riscos da empresa e sabe lidar com diversos cenários e especialmente com a pressão que às vezes pode aparecer em alguma situação. 

Ebook Trilha de estudos Ancord

EBOOK GRATUITO | Trilha de estudos Ancord

Baixe o ebook gratuito para saber o que e como estudar para a prova de certificação Ancord

Ebook Trilha de estudos Ancord

EBOOK GRATUITO | Trilha de estudos Ancord

Outros requisitos na formação para o mercado financeiro 

Um dos requisitos que faz a diferença e, muitas vezes, é obrigatório depender da função exercida é a graduação em áreas financeiras e econômicas.

Além da graduação em economia, administração, gestão e afins, um MBA (Master of Business Administration), que é um grau acadêmico de pós-graduação que acrescenta conhecimento e credibilidade.

Outro requisito quase obrigatório para quem deseja atuar no mercado financeiro é o domínio do inglês. Muito frequentemente os profissionais da área precisam lidar com relatórios em inglês e com profissionais estrangeiros, o que faz do inglês requisito básico. 

Como é considerada a língua universal, o inglês é considerado essencial no mundo financeiro. Por isso, além do inglês, dominar outras línguas também pode ser vantajoso. 

Uma ferramenta que é muito conhecida dos profissionais do mercado financeiro é o excel, e saber utilizá-lo é, também, essencial. 

Saber fazer as fórmulas básicas, tabelas dinâmicas e gráficos garante que você não irá confundir os números e prejudicar os resultados das empresas onde você trabalha. 

Como é atuar no mercado financeiro? 

O mercado financeiro atrai muitos profissionais pela boa remuneração e oportunidade de crescimento a médio e longo prazo. Mas tudo depende da performance do profissional e da qualidade do serviço realizado.  

Por isso a qualificação e conhecimento nunca são demais. O profissional que investe na sua qualificação está um passo à frente de conquistar bons cargos e salários no mercado financeiro. 

Apesar de serem atividades que exigem esforço (tanto físico, emocional e mental), é preciso estar preparado psicologicamente para isso. Mas, ao mesmo tempo, por ser um mercado de trabalho com oportunidades, o profissional preparado conquista seu espaço. 

Apesar de, em alguns momentos, ser necessário o trabalho fora do horário (em momentos como madrugada e finais de semana), esse profissional é bem remunerado e será realizado se gostar das suas funções.

Por isso a formação para o mercado financeiro é importante. Além de capacitar o profissional, ela também o prepara para as diferentes funções que podem ser exercidas nos diversos segmentos dessa área. 

 

Guilherme Almeida
Guilherme Almeida
Bacharel em Economia e Especialista em Finanças Corporativas e Mercado de Capitais pelo Ibmec-MG. Mestrando em Estatística pela UFMG, atua como professor, palestrante e porta voz das áreas de economia e finanças, tendo concedido mais de mil entrevistas para os principais meios de comunicação. Atualmente, leciona matérias ligadas à Economia e ao Mercado Financeiro em cursos preparatórios para certificações financeiras, além de ser o Economista-Chefe do departamento de Estudos Econômicos da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG).

relacionadas